carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Governo simplificará drawback para ampliar alcance

O secretário de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Welber Barral, anunciou que, em outubro, o governo implantará uma simplificação do sistema de drawback, pelo qual as empresas deixam de pagar os tributos cobrados sobre os insumos nacionais ou importados a serem utilizados na produção de bens exportáveis. Segundo ele, essa é uma das medidas para reduzir "a pressão" sobre o exportador.

RENATA VERÍSSIMO, Agencia Estado

01 de outubro de 2009 | 18h08

Barral explicou que a mudança será operacional, com uma melhoria no software do programa, de forma a permitir que as médias empresas também utilizem o benefício. "O sistema eletrônico será simplificado para que as empresas médias consigam utilizá-lo", explicou. O secretário disse que, por dificuldades na contabilidade, as empresas de menor porte acabam não utilizando o sistema de drawback.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.