Governo vai liberar mais R$ 1bilhão para merenda e transporte

Segundo ministro Fernando Haddad, aumento vai beneficiar 47 milhões de estudantes do ensino fundamental

Leonencio Nossa,

28 de dezembro de 2009 | 13h46

O ministro da Educação, Fernando Haddad, informou há pouco que o governo aumentará, em 2010, de R$ 3 bilhões para R$ 4 bilhões, os recursos em merenda e transporte escolar.

 

Em rápida entrevista no Centro Cultural Banco do Brasil, onde despachou com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Haddad disse que o custo da merenda e do transporte per capita passará de R$ 0,28 para R$ 0,30.

 

Segundo o ministro, o aumento vai beneficiar 47 milhões de estudantes do ensino fundamental, que conta com merenda escolar. Desse total, 6 milhões dispõem de transporte pago pelo governo federal. O aumento será regulamentado por resolução, que será publicada ainda nesta semana no Diário Oficial da União.

Tudo o que sabemos sobre:
Haddadeducaçãomerendatransporte

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.