Governo vai prorrogar concessão de usina da Cesp

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, afirmou hoje que na próxima semana assinará uma portaria prorrogando até 2028 a concessão da usina Porto Primavera, uma das quatro hidrelétricas da Companhia Energética de São Paulo (Cesp). O contrato, que vence no dia 31 de maio, será prorrogado por 20 anos.O ministro admitiu a possibilidade de prorrogar a concessão das outras três usinas: Três Irmãos, Jupiá e Ilha Solteira. Mas a avaliação ficou para depois porque, segundo o ministro, a concessão dessas três hidrelétricas vence daqui a sete anos. "Não queremos embaraçar o funcionamento dessas usinas", assegurou o ministro.Segundo ele, o departamento jurídico do ministério está estudando a possibilidade de renovação. A renovação das concessões foi pedida pelo governo de São Paulo, que vai privatizar a Cesp, em leilão marcado para o próximo dia 26. "O governo federal tem boa vontade com o governo de São Paulo", disse o ministro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.