GP deve anunciar compra da Leitbom por R$ 400 mi

A GP Investimentos está para anunciar a compra da goiana Leitbom, um dos maiores laticínios do País. A aquisição marca a estréia da GP no agronegócio e reforça o interesse do mercado, sobretudo dos fundos de investimento, pelo leite. O valor da operação é estimado em cerca de R$ 400 milhões.A Leitbom, conhecida por Morrinhos (onde fica sua sede) estava à venda há três anos. O fundador, Domingos Vilefort, enfrentava problemas de sucessão. No fim de 2007, logo após a compra da Vigor, surgiram rumores de que o frigorífico Bertin ficaria com a Leitbom.Na reta final, a GP disputou a empresa palmo a palmo com a Nilza Alimentos, do empresário Adhemar de Barros Neto (ex-dono da Lacta). Até sexta-feira, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), dono de 12% das ações da Nilza, dava a operação como certa. As negociações entre os dois laticínios pararam há 15 dias, mas não chegaram a ser suspensas, segundo fontes de mercado. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.