coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

GP, Safra e donos do Empire State investem no Brasil

Na semana passada, passou despercebido um pedido de cancelamento de oferta de ações de uma empresa com nome em inglês. A BR Properties, uma companhia brasileira, se perdeu entre as 17 empresas de imóveis que estrearam na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) este ano. Ao contrário do que se pode imaginar, não é o caso do fracasso de uma oferta por falta de confiança nos fundadores. Quem está por trás da empresa são nomes conhecidos, como a GP Investimentos, o banco americano Lehman Brothers, a família Safra e os donos do Empire State Building.A história do cancelamento da oferta de ações (IPO) revela uma mudança de direção em curso no mercado financeiro. A BR Properties esperava vender 40% da empresa por R$ 600 milhões. Até houve interesse por parte dos investidores, mas só se os donos vendessem mais ações ou dessem um desconto no preço do papel. Como os acionistas não estavam dispostos a abrir mão do controle ou vender as ações por menos do que imaginavam, eles resolveram dar um tempo. Vão colocar dinheiro próprio no negócio e pegar empréstimos para financiar o projeto original de expansão. "Os sócios resolveram capitalizar a empresa e voltar à Bolsa com uma empresa maior em 2008", diz Claudio Bruni, presidente da empresa. "A gente encontrou um pessoal interessado, mas sem apetite para negócios menores."A filosofia de trabalho segue a lógica da GP Investimentos, especializada em comprar ativos que podem se valorizar com novas práticas de gestão e melhorias nos bens. Para início de conversa, os sócios investiram R$ 200 milhões na empresa. Em março, compraram o primeiro edifício de escritórios. Sete meses depois, já tinham 38 imóveis, entre prédios de escritórios, lojas e galpões industriais. Até agora, foram gastos mais de R$ 700 milhões, sendo cerca da metade em recursos próprios. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.