Grã-Bretanha deve rever adesão ao euro em 2004

O governo da Grã-Bretanha deve rever em 2004 os cinco testes econômicos que indicarão se o país deve ou não adotar o euro, disse o ministro das Finanças, Gordon Brown, perante ao Parlamento.Como previsto, Brown informou que as condições econômicas ainda não são adequadas para que a Grã-Bretanha participe da zona do euro e abandone sua moeda. Brown disse também que o projeto de lei para a realização de um referendo deve ser apresentado no outono (britânico) e que o impacto das reformas a serem introduzidas nos próximos meses serão revisadas no orçamento do ano que vem. A revisão é prevista para março ou início de abril. "Informaremos sobre os progressos no orçamento do próximo ano e determinaremos se, com base neles, o Tesouro realizará nova avaliação dos cinco testes, a qual, se positiva, nos permitirá colocar a questão para referendo", disse Brown.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.