finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Grandes redes do varejo decidem baixar juros ao consumidor

Pelo menos quatro grandes redes de varejo de eletrodomésticos e móveis anunciaram nesta quarta-feira a decisão de reduzir os juros ao consumidor, seguindo a tendência do Banco Central de baixar os juros básicos de 22% para 20%. A partir desta quinta-feira, a Arapuã diminui os juros nos financiamentos com cheque pré-datado em até 9 vezes de 6,1% para 4,5% ao mês. Nas operações pelo crediário em até 12 vezes a taxa baixou de 8,2% para 7,5% ao mês.A Casas Bahia, maior rede de eletroeletrônicos do País, planeja baixar os juros, mas não informou nem quando nem quanto. Na segunda-feira, a Lojas Cem reduz os juros do crediário, que estão hoje em 5,3% ao mês para o plano mais longo de 20 prestações. O Magazine Luiza reúne nesta quinta-feira o comitê de crédito também para decidir o porcentual do corte.

Agencia Estado,

17 de setembro de 2003 | 20h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.