Greenspan afirma que juro anual pode ficar abaixo de 0,75%

O presidente do Federal Reserve, Alan Greenspan, disse que o Banco Central dos EUA não se sentirá inibido por eventuais dificuldades que as companhias de fundos mútuos poderão enfrentar caso haja a necessidade de cortes mais profundos dos juros, afirmando que essas empresas saberão lidar com isso. Greenspan atenuou os temores de que as companhias de fundos mútuos podem ter dificuldades para cobrir suas despesas, caso o FED corte as taxas dos Federal Funds para abaixo de 0,75%. Atualmente, a taxa está em 1%, menor nível em 45 anos. Ele admitiu ter conhecimento de que novos cortes poderão tumultuar algumas instituições financeiras. No entanto, ressaltou que essas instituições têm mostrado flexibilidade considerável para absorver esse fato durante um período razoável. "Com relação a pressupostos de que 75 pontos-básicos seria o máximo que podemos ir, é um erro", declarou. "Eu realmente acho que temos muito mais flexibilidade", disse. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.