Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Greenspan diz ter dúvida se reduziria juro agora nos EUA

Greenspan acrescentou que acha que Bernanke está fazendo "um excelente trabalho"

Regina Cardeal, da Agência Estado,

13 de setembro de 2007 | 13h34

O ex-presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) Alan Greenspan disse que acha que não teria agido de forma diferente do atual presidente do banco central norte-americano, Ben Bernanke, na atual crise de crédito. Greenspan acrescentou que acha que Bernanke está fazendo "um excelente trabalho".   Veja também: Como enfrentar os riscos e prejuízos da crise Os efeitos da crise do setor imobiliário dos EUA   As declarações foram divulgadas pela agência Reuters, que cita trechos de entrevista de Greenspan ao programa "60 Minutes", da rede de tevê norte-americana CBS. Ao ser perguntado se teria reduzido os juros tão rapidamente quanto o fez durante a recessão de 2001, Greenspan disse que não está seguro de que o faria porque a inflação estava desacelerando na ocasião. "Nós pudemos agir sem o temor de atiçar as pressões inflacionárias. Não se pode mais fazer isso."Greenspan não via até o fim de 2005 o quão significativo seria o problema dos financiamentos imobiliários de risco elevado de inadimplência nos EUA ("subprime"). Greenspan disse que não notou realmente que as tendências de empréstimo de crédito imobiliário eram suficientemente significativas a ponto de prejudicar a economia. As informações são da agência Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Aversão ao riscoGreenspan

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.