Grendene negocia R$ 84,8 milhões em dia de estréia na Bolsa

A Grendene estreou hoje no Novo Mercado da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) negociando 2.470.900 ações em 2.228 negócios, movimentando R$ 84,866 milhões. Esses números fizeram das ações da Grendene as mais negociadas do dia de hoje, atrás apenas dos ações preferenciais (PN, sem direito a voto) da Petrobras. A alta em relação ao preço inicial - de R$ 31,00 por ação - foi de 12,10%. O papel fechou a R$ 34,75. A Grendene é a quinta empresa a integrar o Novo Mercado, e seu código de negociação é GRND3. As outras empresas listadas nesse segmento são a Companhia de Concessões Rodoviárias (CCR), que abriu o capital em 1º de fevereiro de 2002, a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), cuja adesão se deu em 24 de abril do mesmo ano, além de Natura Cosméticos e CPFL Energia, cujas listagens ocorreram, respectivamente, nos últimos 26 de maio e 29 de setembro. A Bovespa, por sua vez, encerrou o pregão desta sexta-feira com 40.452 negócios e um volume financeiro de R$ 1,064 bilhão. O Ibovespa - índice que mede o desempenho das ações mais negociadas na Bolsa - fechou em alta de 0,54%, aos 23.052,18 pontos.Novo MercadoO Novo Mercado é um segmento da Bovespa destinado à negociação, em sistema separado, das ações de empresas que atendam a um conjunto de exigências com relação a normas de boa governança corporativa, transparência na divulgação de informações e relacionamento com os acionistas minoritários.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.