Greve de 24 horas limita atendimento no INSS

Entre as 26 agências da Previdência Social na cidade de São Paulo, 14 funcionaram normalmente, 9 têm o atendimento limitado a exames de perícia médica já marcados e 3 realizam apenas exames médico-periciais, além de outros serviços pré-agendados, segundo o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).O balanço da paralisação de 24 horas dos servidores do órgão na Capital e Grande São Paulo foi divulgado na manhã desta terça-feira, 5.Na Grande São Paulo, de um total de 17 unidades, 10 prestam seus serviços sem interrupção, 6 mantêm apenas o atendimento de perícias já marcadas e uma realiza outros atendimentos pré-agendados, além dos exames periciais.Das 127 agências do Interior, 116 atendem normalmente, 8 mantêm apenas o atendimento de perícias já marcadas e 3 estão com atendimento restrito a perícias médicas e outros serviços pré-agendados.Os servidores prometem parar uma vez por semana por 24 horas para protestar contra o Plano de Carreiras, Cargos e Salários apresentado pelo governo e também cobrar a definição do índice de reajuste salarial válido para 2007.

Agencia Estado,

05 de setembro de 2006 | 11h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.