Grupo chega a 10% do capital da Usiminas

A CSN informou ontem, em fato relevante, que chegou a uma participação de 10,01% das ações com direito a voto (ordinárias) da rival Usiminas. Em relação às ações sem direito a voto (preferenciais), a participação chegou a 5,25%. No comunicado, a CSN diz que "não detém direitos adicionais de subscrição de ações, de opções de compra de ações, de debêntures, nem qualquer acordo ou contrato regulando o exercício de direito de voto ou a compra e venda de valores mobiliários de emissão da Usiminas".

, O Estado de S.Paulo

21 de abril de 2011 | 00h00

A empresa diz também que "continua avaliando alternativas estratégicas" para seu investimento na Usiminas. Os controladores da Usiminas chegaram a renovar seu acordo de acionistas, como forma de tentar barrar uma entrada da CSN no controle da siderúrgica mineira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.