Grupo Estado terá novo Presidente Executivo e reforça gestão

Francisco Mesquita Neto assume o comando da companhia a partir de 1º de agosto 

O Estado de S. Paulo,

20 de julho de 2012 | 14h09

O Conselho de Administração do Grupo Estado anunciou nesta sexta-feira, 20, o novo desenho do comando da companhia, que passa a vigorar a partir de 1º de agosto. Silvio Genesini, que foi diretor-presidente nos últimos três anos, completa o seu contrato e deixará a organização no final de agosto. Genesini liderou importantes e inovadores projetos e parcerias, ampliou o portfólio de marcas e expandiu a presença digital dos produtos do Grupo Estado.

A Presidência Executiva será exercida, a partir de 1º de agosto, por Francisco Mesquita Neto, acionista e membro do Conselho de Administração. Antes, Francisco foi durante 15 anos CEO do Grupo Estado, tendo ocupado posteriormente a posição de CEO, por três anos, do grupo TotalCom S/A. No grupo Unialco S/A foi também CEO pelo período de dois anos. Além do Conselho do Grupo Estado, Francisco é membro de conselhos de companhias no Brasil e no exterior. É também um dos vice-presidentes da Associação Nacional de Jornais (ANJ) e responsável pelo Comitê de Liberdade de Expressão daquela entidade, da qual também foi presidente por dois mandatos.

A designação de Francisco foi aprovada por unanimidade no Conselho de Administração do Grupo Estado e contou com o apoio de todos os acionistas. Francisco e Genesini trabalharão juntos na transição até o final de agosto.

"O movimento não desvia os rumos desta organização em seu modelo de profissionalização já bem consolidado", afirma Plinio Villares Musetti, presidente do Conselho de Administração. "Francisco assume a Presidência Executiva com a missão de consolidar e implementar a visão estratégica de transformação do Grupo e apoiar os executivos nos planos para alcançá-la", completa.

Reportam-se ao novo Presidente Executivo todas as diretorias do Grupo, às quais se juntará, a partir de 25 de julho, Christiano Nygaard, na função de Diretor de Mercado Leitor e Operações. Nygaard trabalhou por mais de 20 anos no Grupo RBS e se transfere para o Grupo Estado

Tudo o que sabemos sobre:
Grupo EstadoFrancisco Mesquita Neto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.