coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Grupo investe R$ 280 milhões em usinas de cana em SP

O Grupo Equipav investirá R$ 280 milhões na ampliação da usina de açúcar e álcool da companhia localizada em Promissão, no oeste de São Paulo, e na construção de uma nova unidade em Brejo Alegre, região de Araçatuba. Os recursos virão do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDES), bancos privados e da própria empresa.Do total, R$ 180 milhões serão investidos na unidade de Brejo Alegre, que começará a operar daqui a dois anos, na safra 2008/09. Na primeira fase a capacidade de processamento será de 1,3 milhão de toneladas de cana. Em cinco safras a unidade ampliará a capacidade para seis milhões de toneladas.A área agrícola inicial será de 13 mil hectares distribuídos entre os municípios de Araçatuba, Bilac, Birigüi, Braúna, Brejo Alegre, Coroados, Glicério e Penápolis. Na segunda fase os canaviais de cana se estenderão por 50 mil hectares de lavouras próprias e de fornecedores independentes. A usina - ainda sem nome - destinará 60% da cana à produção de álcool.Capacidade Newton Salim Moraes, diretor-superintendente da Equipav Açúcar e Álcool, diz que a planta de Promissão terá a atual capacidade - de três milhões de toneladas - ampliada para seis milhões de toneladas até 2010, em um investimento de R$ 100 milhões. "A ampliação também contemplará projetos de co-geração de energia, um mercado que vamos começar a explorar", afirma. Moraes também revela que o grupo, há dez anos no setor sucroalcooleiro e com atuação em saneamento básico, administração de rodovias e pavimentação, estuda ampliar os investimentos em açúcar e álcool, além dos já previstos. "Temos estudado novas áreas fora do estado de São Paulo, que já está muito saturado", afirmou. O executivo considera que regiões promissoras para a instalação ou aquisição de novas unidades estão no sul de Goiás, sul do Mato Grosso do Sul e norte do Paraná.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.