Grupo Tereos une Guarani com ativos na Europa e Oceano Índico

O terceiro maior produtor de açúcar da Europa, Tereos, anunciou nesta segunda-feira que vai unir sua unidade Açúcar Guarani com ativos do grupo na Europa e Oceano Índico. A operação formará a Tereos Internacional, terceira maior processadora de cana-de-açúcar do mundo, que terá ações em São Paulo e Paris.

REUTERS

29 de março de 2010 | 07h22

A nova empresa terá receita líquida anual proforma de 2,5 bilhões de dólares e combinará a companhia brasileira com ativos de cereais na Europa e de cana-de-açúcar no Oceano Índico. A sede da Tereos Internacional será em São Paulo.

A companhia combinada produzirá açúcar, produtos à base de amido e álcool para o setor de alimentos e outros segmentos, e também produzirá bioenergia (etanol e eletricidade), segundo comunicado divulgado à imprensa.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSTEREOSGUARANI*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.