Gabriela Biló/Estadão
Gabriela Biló/Estadão

Guedes vai se encontrar com ministro da Economia de Israel em Davos

Desde que o presidente Bolsonaro indicou a possibilidade de transferir a embaixada brasileira para Jerusalém, a aproximação de integrantes dos governos se intensificou

Adriana Fernandes, enviada especial, O Estado de S. Paulo

20 de janeiro de 2019 | 21h05

DAVOS – Em linha com a estratégia do presidente Jair Bolsonaro de aproximação com o governo de Israel, o ministro da Economia, Paulo Guedes, incluiu um encontro privado com o ministro da economia israelense, Eli Cohen, logo no primeiro de dia de reuniões no Fórum Econômico Mundial, que começa nessa semana em Davos, na Suíça. 

Desde que o presidente Bolsonaro indicou a possibilidade de transferir a embaixada brasileira para Jerusalém, a aproximação de integrantes dos governos se intensificou. 

As reuniões de trabalho do ministro só começam na terça-feira. Guedes chega amanhã, às 14h30 (11h30 de Brasília), em Zurique, na comitiva do presidente Bolsonaro e de lá o grupo segue para Davos, nos Alpes suíços.

Na estreia em Davos, Guedes terá também reuniões com o presidente de empresas e investidores. A primeira reunião de trabalho na terça-feira com o presidente do Conselho da Lyondell Bassell NV, Jacques Algrain. A Lyondell é uma empresa química multinacional com sede na Holanda. 

O ministro terá também uma reunião com o presidente e CEO da Iberdrola, José Ignácio Sánches,  dirigentes da Câmara Internacional de Negócios, do Conselho Internacional de Negócios e com o fundador do Fórum, Klaus Schwab. 

Guedes também participará de almoço organizado pelo banco Itaú para clientes do banco e investidores , um evento tradicional e que conta sempre com a presença dos ministros da Fazenda.

À noite, o ministro deve participar do jantar anual da BlackRock, a maior gestora de ativos do mundo. Antes, às 15h30, Guedes acompanha o presidente Bolsonaro na abertura da sessão plenária do Fórum. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.