finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Gulliver inicia em setembro troca de brinquedo com ímã

A fabricante de brinquedos Gulliver informou que fará, a partir de 1º de setembro, a troca de 15 tipos de brinquedos da linha Magnetix que têm ímãs que podem se descolar. Ao todo, cerca de 35 mil unidades estão sujeitas a problemas. O produto, fabricado na China pela empresa canadense MegaBrands, é importado pela Gulliver para ser vendido no Brasil. A empresa ainda não sabe informar quantos estavam nas lojas e quantos já foram vendidos.Nos Estados Unidos, houve acidentes com crianças que engoliram pequenos ímãs que se soltaram das peças do Magnetix, o que desencadeou um recall naquele país no ano passado e neste ano. Apesar de não ter confirmado se fará um recall no Brasil, a Gulliver afirmou que os clientes que possuírem os brinquedos pertencentes aos lotes com problemas poderão trocá-los em lojas e postos de troca nas principais capitais do Brasil. A empresa prometeu anunciar os endereços até o dia 29. Para o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), a Gulliver tem a obrigação de realizar um recall. Para identificar se um brinquedo faz parte do lote, o consumidor deve ligar para o serviço de atendimento ao consumidor da Gulliver (0800-770-2650) e informar o código do produto. Ontem, porém, as atendentes da empresa ainda não tinham informações atualizadas sobre o recall. A empresa afirmou que o problema seria resolvido. Alguns detalhes presentes na embalagem dos brinquedos também auxiliam a identificação. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

AE, Agencia Estado

24 de agosto de 2007 | 08h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.