Heron deixa coordenação do IPC-Fipe depois de 26 anos

O professor de economia da Universidade de São Paulo (USP) deixará, depois de 26 anos, a coordenação do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). "Já estou estresado. Passei um terço da minha vida me dedicando ao IPC-Fipe", diz o economista e professor da USP, que tem 53 anos de idade. Ele diz que ainda se manterá na Fipe, mas se dedicará a projetos mais voltados para a área acadêmica. A divulgação hoje da segunda quadrissemana do IPC-Fipe foi a penúltima feita por Heron do Carmo. Ele ainda fará a divulgação da terceira pesquisa da Fipe, mas para o fechamento do mês, já deverá ser substituído por um outro economista, cujo nome ainda está sendo estudado pela direção da USP.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.