carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Home broker bate recorde de giro na Bovespa em setembro

Negociação de ações feita pela internet representa no último mês 19,40% do volume financeiro da bolsa

Agência Estado,

06 de outubro de 2009 | 14h05

As negociações realizadas via home broker (sistema de compra e venda de ações através do site de uma corretora na internet) na Bovespa registraram, em setembro, cinco recordes: volume total de R$ 44,20 bilhões (R$ 42,54 bilhões em agosto), volume médio diário de R$ 2,10 bilhões (ante R$2,02 bilhões), quantidade de negócios de 4.474.883 (ante 4.392.467), a média diária de negócios de 213.090 (209.165 no mês anterior) e participação no volume financeiro do mercado de ações de 19,40% (ante 19,00%).

 

Em nota, a Bolsa diz que a participação no número de negócios alcançou 31,30%, contra 30,40%. O valor médio por negócio foi de R$ 10,86 mil, ante R$ 10,72 mil. A quantidade de investidores com ofertas colocadas ficou em 215.861, ante 211.316 no período anterior. Em setembro, manteve-se em 68 o número de corretoras que ofereceram o serviço.

 

No Banco de Títulos da Central Depositária (BTC), o volume financeiro das operações com empréstimos de ações alcançou R$ 28,74 bilhões em setembro, ante R$25,85 bilhões em agosto. Foram realizadas 63.477 operações, ante 61.990. O volume financeiro do mercado secundário de renda fixa privada totalizou R$66,83 milhões, ante R$ 26,80 milhões, somados os negócios no Bovespa Fix e Soma Fix. Deste total, R$ 3,41 milhões foram referentes a debêntures, R$ 59,21 milhões relativos aos Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC) e R$ 4,21 milhões aos Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI).

 

O volume financeiro registrado pelos quatro fundos de índices (Exchange Traded Funds ou ETFs) negociados na BM&FBovespa foi recorde e chegou a R$ 557,86 milhões, ante R$ 451,14 milhões. Foram realizados 8.366 negócios com os ETFs BOVA11, SMAL11, MILA11 e PIBB11. No período anterior, o número de negócios foi de 5.753. Em setembro, o maior volume financeiro foi atingido pelo ETF BOVA11, com R$ 484,17 milhões, ante R$ 373,33 milhões.

 

A BM&FBovespa encerrou setembro com 2.870 clubes de investimento e 46 novos registros. O patrimônio líquido somou R$ 11,17 bilhões e o número de cotistas chegou a 143.264, conforme os últimos dados disponíveis, referentes a agosto.

Tudo o que sabemos sobre:
home brokerBovespasetembrorecorde

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.