HP pretende dobrar de tamanho no Brasil em 3 anos

A presidente mundial da Hewlett Packard (HP), Carly Fiorina, reiterou os planos da empresa de dobrar o tamanho no Brasil em três anos. Ela afirmou que tem confiança no mercado e mantém a convicção de que as mudanças propostas pela empresa ao governo serão realizadas.Carly Fiorina afirmou que este é um momento importante para o Brasil escolher se quer participar da nova era digital. Para isso, o Brasil precisa se adequar criando um ambiente favorável às empresas com a reforma tributária e estímulo às exportações."O Brasil precisa investir em educação e em motivação de seus recursos humanos, que são tão importantes quanto os recursos naturais." Na criação de um ambiente empresarial, afirmou, há necessidade de se ganhar transparência e honestidade.Carly Fiorina participou de almoço debate promovido pela Grupo de Líderes Empresariais, formado por 422 empresários e que concentra 35% do PIB brasileiro, em São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.