HSBC mantém recomendação para títulos do Brasil

O banco HSBC manteve hoje sua recomendação overweight (acima da média dos títulos recomendados) para a dívida externa brasileira. "Acreditamos que a saída de membros chaves da equipe econômica e a escolha de Guido Mantega para o Ministério da Fazenda deverão oferecer um terreno considerável para incertezas de curto prazo nos mercados", afirmaram os estrategistas Rashique Rahmam e Vitali Meschoulam, do HSBC, em comunicado para clientes."Entretanto, acreditamos que os fundamentos gerais do Brasil continuam sólidos, e não esperamos uma alteração radical da atual orientação da política econômica que justifique uma decisão baseada apenas nesse fator. Precisaríamos ver mudanças no Banco Central (além das já ocorridas no ministério da Fazenda) para nos movermos para uma posição significativamente mais defensiva".Segundo eles, os fatores técnicos do mercado para os bônus brasileiros continuam favoráveis. "Embora não possamos descartar que ocorra mais volatilidade (oscilação) no mercado brasileiro nos próximos dias, acreditamos que o posicionamento nas taxas de juros locais está melhorando, sugerindo que podemos estar próximos da recente consolidação ocorrida no mercado."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.