finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Hubner: Belo Monte ainda pode iniciar geração em 2014

O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Nelson Hubner, disse hoje que apesar do adiamento do leilão da hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu, no Pará, ainda é possível iniciar a geração de energia da usina em 2014. "Achamos que mesmo fazendo o leilão no começo de janeiro (de 2010), teremos apenas um pouco mais de um mês de diferença. A gente acha que ainda dá para sair (a licença) e gerar energia em 2014", afirmou Hubner, que participou hoje da solenidade de assinatura dos contratos de concessão de novas linhas de transmissão, que foram leiloadas pela agência em maio deste ano.

LEONARDO GOY, Agencia Estado

19 de novembro de 2009 | 11h36

A ideia do governo era leiloar Belo Monte no dia 21 de dezembro, mas com a demora na liberação da licença ambiental pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), o governo adiou o leilão para 2010. A Aneel, que chegou a marcar para hoje a reunião para aprovar o edital, mesmo sem a licença ambiental, agora vai esperar o aval do Ibama para marcar a data. "Vamos definir a data do leilão, assim que tivermos a licença, porque caso contrário a gente fica sempre mudando", afirmou Hubner. O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, que participou do mesmo evento de Hubner, evitou responder sobre Belo Monte.

Tudo o que sabemos sobre:
energiaBelo MonteAneel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.