Hubner: governo vai acionar 6 térmicas a óleo no Sudeste

O ministro interino de Minas e Energia, Nelson Hubner, anunciou hoje que o Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) decidiu antecipar o despacho de seis usinas termelétricas movidas a óleo combustível na região Sudeste.Segundo ele, ainda faltam ser solucionadas questões logísticas para o início da operação das usinas, que terão capacidade de geração de 800 MW. "Vamos ligar essas térmicas para que o repasse de energia do Sudeste para o Nordeste não afete os reservatórios das hidrelétricas no Sudeste."O ministro disse que o CSME avaliará em sua próxima reunião eventuais fornecimentos extras de energia por outras térmicas a óleo e também de usinas a gás, que poderão funcionar graças à conclusão de gasodutos e também em função do início da produção de gás em novos campos.Segundo ele, a partir da segunda semana de fevereiro será concluído o gasoduto Cabiúnas-Vitória, que levará gás da bacia do Espírito Santo à capital capixaba e também permitirá o acréscimo de 5 milhões de metros cúbicos no fornecimento para o Estado do Rio de Janeiro. "A termelétrica de Macaé, por exemplo, poderá entrar em operação com 1.000 MW no início de fevereiro", explicou o ministro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.