Hungria: BC deve cortar taxa de juros para 4%

O Banco Nacional da Hungria deve cortar a taxa básica de juros para uma baixa recorde nesta terça-feira com o objetivo de evitar que a economia do país volte a cair em recessão.

AE, Agencia Estado

23 de julho de 2013 | 01h14

A autoridade monetária húngara vem realizaram cortes na sua política monetária gradativamente desde agosto de 2012. O novo presidente do banco central do país, Gyorgy Matolcsy, está determinado a manter a recuperação econômica.

"A inflação e as perspectivas de crescimento justificam a nova redução das taxas de juros", disse o Bank of America Merrill Lynch, em relatório.

Os onze economistas consultados pelo Wall Street Journal esperam que o banco realize um novo corte de 0,25% na sua taxa básica de juros, que atingiria 4%, o seu novo mínimo histórico. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
hungriajurosrecorde

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.