Hypera/ Divulgação
Hypera/ Divulgação

coluna

Fernanda Camargo: O insustentável custo de investir desconhecendo fatores ambientais

Hypera Pharma compra ativos da Takeda no Brasil e América Latina

Quando finalizada, transação tornará a Hypera Pharma a maior empresa farmacêutica do Brasil; acordo foi adiantado pelo 'Estado' no último sábado

Mônica Scaramuzzo , O Estado de S.Paulo

02 de março de 2020 | 08h50

A Hypera Pharma (ex-Hypermarcas) anunciou na manhã desta segunda-feira, 2, que chegou a um acordo com a companhia japonesa Takeda para adquirir o portfólio da farmacêutica de medicamentos de prescrição e isentos de prescrição (OTC) na América Latina, por um total de US$ 825 milhões. A notícia foi antecipada pelo Estado no último sábado. 

Quando finalizada, essa transação - em conjunto com a aquisição, em dezembro, do medicamento Buscopan, que integrava o portfólio da  Boehringer Ingelheim - tornará a Hypera Pharma a maior empresa farmacêutica no Brasil. A companhia também deterá duas das três maiores marcas de medicamentos OTC (que não necessitam de receita médica), com participação de mercado de 20% no setor de Consumer Health, tornando-se líder absoluta nessa área  no País.

O portfólio que será adquirido da Takeda registrou receita líquida de cerca de R$ 900 milhões em 2019, sendo que o Brasil responde por 83% desse total e o México, por 15%. Inclui produtos em áreas terapêuticas como cardiologia, diabetes, endocrinologia, gastroenterologia, sistema respiratório e clínica geral, além de marcas Top of Mind como Neosaldina, a terceira maior marca de medicamento OTC no Brasil, logo atrás do próprio Buscopan.

Breno Oliveira, CEO da Hypera Pharma, disse que, quando concluída, a transação com a Takeda será a maior aquisição da história da Hypera Pharma. "Estamos acelerando o crescimento da companhia e criando uma plataforma única e irreplicável, com sólida posição em segmentos estratégicos do mercado.”

A Hypera Pharma assegurou com bancos uma linha de financiamento de R$ 3,5 bilhões para financiar a transação, que está sujeita a determinadas condições  dispostas em contrato, incluindo a aprovação por órgãos de defesa da concorrência e, também ,à aprovação em assembleia geral de acionistas.

Uma das maiores empresas farmacêuticas do País, a Hypera começou a crescer no setor por meio de aquisições. É dona da Neo Quimica, Montecorp e outros laboratórios nacionais. O complexo industrial da Hypera Pharma fica em Anápolis, Goiás. 

Tudo o que sabemos sobre:
Hyperaindústria farmacêutica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.