IBGE: produção industrial sobe em 9 de 14 regiões

A produção industrial em novembro subiu em 9 das 14 regiões pesquisadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na comparação com outubro, na série com ajuste sazonal. Segundo informou hoje o instituto, o destaque ficou com Goiás, cuja produção aumentou 11,6% no período, "devolvendo o recuo de 9,9% observado no mês anterior".

JACQUELINE FARID, Agencia Estado

08 Janeiro 2010 | 09h46

Os demais locais que registraram resultados positivos em novembro foram a Bahia (alta de 3,9%), Ceará (2,8%), Rio Grande do Sul (1,9%), São Paulo (1,6%), Amazonas (1,6%), Região Nordeste (1,6%), Pernambuco (1,0%) e Rio de Janeiro (0,2%). Houve queda na produção industrial no Espírito Santo (baixa de 1,6%), Minas Gerais e Pará (ambos com recuo de 0,6%) e Paraná e Santa Catarina (ambos com queda de 0,1%).

Na comparação com novembro de 2008, houve um "quadro generalizado de taxas positivas", com aumento da produção em 13 dos 14 locais investigados. Segundo observaram os técnicos do IBGE, "esse movimento evidencia não só a recuperação do setor industrial, num contexto de maior confiança no ambiente econômico, mas também a baixa base de comparação, em função dos ajustes de estoques ocorridos no final do ano passado".

Na comparação com novembro de 2008, os avanços acima da média nacional (5,1%) foram observados em Espírito Santo (21,3%), Goiás (10,9%), Amazonas e Rio Grande do Sul (ambos com 8,0%), Pernambuco (6,9%), Minas Gerais (6,5%) e Ceará (6,3%). O único local que registrou queda ante novembro de 2008 foi o Pará (baixa de 6,5%).

São Paulo

Em São Paulo, a alta de 1,6% da produção industrial em novembro ante outubro foi um resultado bem melhor que o registrado pela média nacional (baixa de 0,2%). O aumento apurado na indústria paulista representa a quinta expansão seguida na comparação com o mês anterior. Na comparação com novembro de 2008, a indústria paulista também registrou crescimento, de 2,1%. Neste caso, a alta ficou abaixo da média nacional (5,1%).

Mais conteúdo sobre:
produçãoindústriaIBGE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.