Ibovespa fecha em baixa de 2,42%; petróleo bate novo recorde

O Índice Bovespa fechou em baixa de 2,42%, com 35.354 pontos. Operou entre a máxima de 36.221 pontos (-0,03%) e a mínima de 35.344 pontos (-2,45%). Com esse resultado, a bolsa passou a acumular baixa de 3,48% em julho e alta de 5,67% em 2006. O movimento financeiro ficou em apenas R$ 1,425 bilhão.Os mercados internacionais começaram a desabar com o agravamento da crise no Oriente Médio. Os preços do petróleo dispararam, fechando em nível recorde. A combinação desses fatores derrubou as bolsas em Nova York, com reflexos diretos na Bovespa. O giro financeiro na bolsa paulista, no entanto, foi bastante reduzido.O barril do petróleo Brent, de referência na Europa, bateu recorde nesta quinta ao fechar a US$ 76,69 no mercado de Londres.O Brent para entrega em agosto, que durante o pregão na Bolsa Intercontinental de Futuros chegou a ser negociado a US$ 76,95, subiu US$ 2,3 em relação a quarta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.