Ibram: setor de mineração poderá ter agência regulatória

O Ministério de Minas e Energia enviará ao Congresso Nacional uma proposta para transformar o Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), vinculado à pasta, em agência regulatória do setor de mineração, segundo comunicado divulgado hoje pelo Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram). O presidente do Ibram, Paulo Camillo Penna, informou, por meio de nota, que a prioridade da nova agência deve ser em investimentos em mapeamento geológico. "A nova agência viria para dar o contorno adequado às políticas de desenvolvimento da atividade minerária e à área de fomento, que necessita urgentemente de novo impulso", disse. Segundo o comunicado, o secretário-executivo do ministério, Márcio Zimmermman, disse que o governo preparou um plano de 20 anos para o setor, que será desenvolvido por meio de financiamento do Banco Mundial (Bird), no valor de R$ 1,8 milhão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.