Idiomas: aulas no trabalho trazem comodidade

Conhecidos como English In Company, as aulas de idiomas ministradas em empresas são bastante comuns nos grandes centros do País. Estes cursos tem como característica principal a presença de professores de línguas no local de trabalho ensinando grupos específicos ou ministrando aulas particulares para executivos. O recursos é utilizado, principalmente, pelas empresas multinacionais.O diretor da escola de línguas em empresas Dialecto, José Roberto Afonso da Igreja avalia que a principal vantagem das aulas de línguas em empresas é que o curso é voltado para as necessidades do aluno. "Os cursos em empresas são realizados conforme as necessidades específicas de cada aluno ou grupo", explica. Ele acredita que para o bom desempenho da aula e dos alunos, o grupo teve ter no máximo 7 pessoas por aula. "Mais do que 7 pessoas por grupo reduz a participação dos alunos e estende os estágios de ensino", ressalta.Outro ponto positivo destacado por José Afonso é a questão da economia de tempo com a locomoção e transporte até a escola. "A comodidade é uma das principais vantagens deste serviço", define. A coordenadora da Oxford Street, Andréia Salvatti Moreli, escola que também possui um programa de ensino do idioma voltado especialmente para empresas, destaca a flexibilidade do sistema. "O aluno pode escolher a carga horária, os dias da semana e o horário que prefere, além de poder escolher o professor de sua preferência." Curso de acordo com a necessidade do alunoO diretor-executivo da Foreign Affairs, escola de idiomas em empresas de origem holandesa, Ricardo Hopper Duarte, ressalta a possibilidade de realizar um projeto de ensino para as reais necessidades do aluno ou do grupo de funcionários. "Nós realizamos um estudo do perfil do entrevistado e suas necessidades reais e elaboramos um projeto. A carga horária e a duração do curso ficam por conta do aluno", explica.Hopper avalia que o resultado é positivo: "Nas aulas realizadas em empresas o índice de desistência é menor do que em escolas devido a facilidade na escolha de horário e do curso preferido". Porém, para manter um bom aproveitamento, os alunos não devem exagerar na carga horária do curso. Recomenda-se dividir o tempo disponível entre aulas e estudos individuais, ou seja, se o executivo têm duas horas disponíveis na semana, deve fazer uma hora de aula com professor e a na outra realizar exercícios em livros e apostilas. Outra dica importante é realizar a aula em um ambiente silencioso para que possa se concentrar apenas no aprendizado do idioma, longe do barulho, e principalmente de interrupções.ServiçoDialecto - O curso completo é composto de 6 estágios e seu preço varia de R$ 420,00 (grupo de 7 pessoas) e R$ 2.400,00 (individual ou particular), por cada estágio. Os estágios têm a duração de 6 a 7 meses. Maiores informações pelo telefone (11) 3672-4655Foreign Affairs - a carga horária de um curso de 2 anos é, em média, de 600 horas. O preço é calculado em hora/aula que custa R$ 65,00 para todos os níveis de aprendizado. O telefone para informações é: (11) 3846-7875 e 3846-3176.Oxford Street - A empresa ou funcionários pagam somente mensalidade por aluno e o material do curso, totalizando R$ 70,00 a hora/aula em grupos de até 6 alunos. O pacote para aulas individuais custa R$ 48,00 a hora/aula. Telefone para informações: (11) 5051-4747.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.