IDT abre ação contra Terra e Telefónica

A empresa de equipamentos e serviços de telecomunicações IDT Corp., sediada em Santa Clara (Califórnia), abriu um processo judicial contra a Telefónica SA e a Terra Networks, exigindo uma indenização de US$ 6 bi. No processo, aberto no Tribunal Distrital Federal de Nova Jersey, a IDT acusa a Telefónica e a Terra de romperem intencionalmente um contrato relativo a uma joint venture. De acordo com a acusação, a Telefónica e a Terra forçaram a IDT a retirar-se da parceria de modo que elas pudessem fazer um negócio similar com a Lycos Inc. A Lycos acabou sendo adquirida pela Terra Networks há cerca de três meses, formando a Terra Lycos. A parceria IDT-Telefónica-Terra visava criar um provedor de serviços e um portal na internet para moradores hispânicos dos EUA. A IDT acusa a Lycos de interferir deliberadamente no relacionamento de negócios entre ela e a Telefónica e a Terra. Segundo a Dow Jones, a IDT recusou-se a fazer comentários sobre o processo. Não havia porta-vozes da Terra Lycos e da Telefónica disponíveis para fazer declarações. O processo foi iniciado no mesmo dia em que informou-se que o executivo-chefe das operações das Terra Lycos nos EUA, Bob Davis, renunciou ao cargo depois de conflitos com outros dirigentes da empresa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.