IGP-M: 2ª prévia de março fica em 0,46%

A alta nos preços dos produtos agrícolas elevou o Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) para 0,46% na segunda prévia de março, contra 0,27% na primeira prévia do mês. Os dados foram divulgados há pouco pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Segundo o chefe do Centro de Estudos de Preços da FGV, Paulo Sidney Cota, a elevação no índice foi provocada, no atacado, pelo aumento de 1,65% nos produtos agrícolas, contra 1,08% na primeira prévia. O salto levou o Índice de Preços no Atacado (IPA) a crescer de 0,35% para 0,55% entre a primeira e a segunda prévia. Segundo Cota, a alta nos agrícolas, com destaque para produtos de origem animal, está ocorrendo como resultado do aumento das exportações brasileiras de carne, que tem reduzido a oferta do produto no mercado interno e elevado os preços. Os maiores destaques de elevação no IPA foram registradas no leite in natura (5,69%), ovos (7,86%), bovinos (1,28%), laranja (9,58%) e feijão (7,85%). No caso da laranja e do feijão, os aumentos ocorreram em consequência da entressafra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.