IGP-M cai 0,31% na 1ª prévia do mês, a menor taxa desde 2006

Preços no atacado e no varejo tiveram queda nos últimos dias de dezembro, segundo dados divulgados pela FGV

Alessandra Saraiva, da Agência Estado,

12 de janeiro de 2009 | 08h16

Os preços caíram para os consumidores nos últimos dias de dezembro, segundo apontam os dados sobre a primeira prévia do Índice Geral de Preços de Mercado (IGP-M) de janeiro. O índice, calculado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), registrou deflação de 0,31%, a menor taxa para uma primeira prévia desde abril de 2006, quando a taxa caiu 0,43%. Veja também:Radar da inflação O resultado, coletado entre 21 e 31 de dezembro, ficou dentro das estimativas dos analistas do mercado financeiro ouvidos pela Agência Estado, que esperavam um resultado entre -0,44% e -0,25%, e foi superior à mediana das expectativas (-0,35%). A FGV informou ainda os resultados dos três indicadores que compõem a primeira prévia do IGP-M de janeiro. O Índice de Preços por Atacado (IPA) teve queda de 0,56%, em comparação com a alta de 0,04% na primeira prévia de dezembro. Por sua vez, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a variação dos preços no varejo, registrou avanço de 0,24% na primeira prévia de janeiro, após subir 0,36% na primeira prévia de dezembro.  Já o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) teve alta de 0,13% na primeira prévia divulgada hoje, após registrar elevação de 0,27% na primeira prévia de dezembro. O resultado acumulado do IGP-M é muito usado como índice de reajuste nos contratos de aluguel.

Tudo o que sabemos sobre:
InflaçãoIGP-M

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.