Fábio Motta/Estadão
Fábio Motta/Estadão

finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

IGP-M desacelera alta a 0,29% na 1ª prévia de janeiro

Índice que mede a 'inflação do aluguel' registrou alta menor do que os 0,63% vistos na 1ª prévia de dezembro de 2014; alta acumulada em 12 meses é de 3,48%

Daniela Amorim, O Estado de S. Paulo

12 de janeiro de 2015 | 08h07

RIO - O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) subiu 0,29% na primeira prévia de janeiro, ante avanço de 0,63% na primeira prévia do mesmo índice em dezembro. A informação foi divulgada nesta segunda-feira, 12, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). 

A taxa anunciada ficou dentro do intervalo das estimativas dos analistas do mercado financeiro ouvidos pelo AE Projeções, da Agência Estado, que esperavam taxa entre 0,09% e 0,68%, com mediana das expectativas em 0,27%.

A FGV informou ainda os resultados dos três indicadores que compõem a primeira prévia do IGP-M de janeiro. O IPA-M, que representa os preços no atacado, subiu 0,23%, em comparação com a alta de 0,71% na primeira prévia de dezembro. O IPC-M, que corresponde à inflação no varejo, apresentou alta de 0,52% na leitura anunciada hoje, após subir 0,51% no mês passado. Já o INCC-M, que mensura o custo da construção, teve elevação de 0,08%, após registrar aumento de 0,41%, na mesma base de comparação.

O IGP-M é usado como base para reajuste de contratos de aluguel. Até a primeira prévia de janeiro, o índice acumula aumento de 3,48% em 12 meses. O período de coleta de preços para cálculo do índice foi de 21 a 31 de dezembro.

Tudo o que sabemos sobre:
IGPMALUGUEL

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.