Imóveis com geradores podem se valorizar

Possuir um imóvel em um edifício com gerador de energia e aquecedor a gás é sinônimo de bom negócio. O gerador, principalmente, dizem os especialistas no setor, chega a ser tão solicitado na hora da compra como sistema de segurança e área de lazer.O diretor de condomínio da Itambé Planejamento e Administração Imobiliária, Luiz Henrique Ramalho, não sabe estimar o porcentual de valorização dos imóveis equipados com gerador, mas diz que há uma valorização comercial e de uso desses imóveis em relação aos que não têm o equipamento. "Hoje, é um diferencial na venda. Citamos o equipamento na hora de vender. Muitos clientes já solicitam o equipamento, exatamente como pedem que tenha sistema de segurança e área de lazer."Segundo Ramalho, o preço de um gerador varia de R$ 35 mil a R$ 90 mil, conforme o tamanho do edifício e o tipo de garantia que ele tem de dar: "Varia se o prédio vai querer manter apenas a iluminação de parte da garagem e o número de elevadores que quer deixar funcionando".De acordo com o consultor imobiliário Roberto Capuano, presidente interino do Sindicato dos Corretores de Imóveis de São Paulo, os imóveis com ausência de gerador deverão sofrer uma considerável rejeição. O mesmo pode ocorrer nos casos de locação. José Roberto Graiche, presidente da Associação das Administradoras de Bens, Imóveis e Condomínios (AABIC), diz que o imóvel que tiver gerador pode ser beneficiado pela maior facilidade de alocação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.