Imóveis: índice de vendas sobe em setembro

O Índice de Velocidade de Vendas (quantidade de imóveis comercializados sobre o volume total colocado à venda no mês) subiu na capital paulista em setembro. O IVV atingiu 8,3%, contra 12,4% registrado em agosto. A Velocidade de Vendas média no ano de 2000 manteve-se equilibrada (8,7%), em patamar superior à média verificada no mesmo período de 1999 (7,1%). Os dados foram divulgados hoje pelo Secovi-SP.Segundo a instituição, os apartamentos de dois dormitórios tiveram o melhor desempenho de comercialização, com velocidade de vendas de 9,9%. Em seguida, aparecem os apartamentos de três e quatro quartos (9,5% e 8,3%, respectivamente). As unidades com um cômodo atingiram 3,2%.O índice mostra que os apartamentos com preço até R$ 50 mil foram o destaque em setembro, registrando 11,6%. As unidades com valores entre R$ 125 mil a R$ 250 mil vêm em seguida com 9,9%. O IVV dos imóveis acima de R$ 250 mil atingiu 8%, enquanto que o da faixa entre R$ 75 mil a R$ 125 mil, 7,2%, e aqueles na faixa de R$ 50 mil a R$ 75 mil, 6,9%.As vendas dos apartamentos na planta foram predominantes no mês, com 41,1% do total comercializado, seguido pelas unidades em construção, que apresentaram índice de 39,3%. Em relação à quantidade de dormitórios vendidos, de janeiro a setembro de 2000, foram comercializados 11.081 unidades. No mesmo período do ano passado 7.755 dormitórios foram vendidos, um aumento de 42,9%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.