Importação cresce mais e déficit em conta corrente é recorde

Saldo de transações correntes do País é influenciado por desempenho pior da balança comercial no ano

Agência Estado e Reuters,

24 de março de 2008 | 10h50

O aumento cada vez maior das importações do País e a conseqüente diminuição no saldo da balança comercial vêm atingindo o resultado das contas externas brasileiras. Em fevereiro, as transações correntes registraram déficit de US$ 2,090 bilhões, o maior valor para o mês desde o início da série histórica, em 1947. Veja também:Mercado reduz projeção para contas externas pela 17ª semanaSaldo comercial pode cair à metadeSuperávit da balança comercial cai 65% na 3ª semana de março O chefe do Departamento Econômico do Banco Central, Altamir Lopes, explicou que o resultado, que veio acima da expectativa do BC, de déficit de US$ 1,7 bilhão, foi influenciado negativamente pela balança comercial que, segundo ele, "veio um pouco pior".  O saldo comercial do País vem registrando diminuição desde o ano passado, causada pelo aumento desproporcional das importações ante as exportações. No primeiro bimestre do ano, por exemplo, as compras internas cresceram 54% na comparação com igual período de 2007, enquanto as vendas externas subiram 24%.  Em 12 meses até fevereiro, o déficit em transações correntes corresponde a 0,37% do Produto Interno Bruto (PIB), ante déficit de 0,18% do PIB em 12 meses até janeiro. Com o resultado de fevereiro, o BC elevou seu prognóstico para o déficit em transações correntes neste ano para US$ 12 bilhões, ante prognóstico anterior de US$ 3,5 bilhões. O balanço de pagamentos no País, segundo o BC, foi superavitário em fevereiro em US$ 3,645 bilhões, acumulando no bimestre um superávit de US$ 6,876 bilhões.  Os investimentos estrangeiros diretos no País somaram US$ 890 milhões em fevereiro, frente a US$ 1,378 bilhão em igual mês de 2007.   Dívida A dívida externa total do Brasil atingiu US$ 198,073 bilhões em fevereiro, de acordo com estimativas divulgadas pelo Banco Central. Em dezembro de 2007 - último dado fechado disponível, a dívida externa total era de US$ 193,563 bilhões. O pagamento de juros com serviço da dívida em fevereiro foi de US$ 595 milhões. No acumulado do primeiro bimestre o pagamento de juros totalizou US$ 1,884 bilhão. O BC também aumentou a sua projeção para 2008 sobre o pagamento de juros, de US$ 4,5 bilhões para US$ 4,7 bilhões.

Tudo o que sabemos sobre:
Contas externasBalança Comercial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.