Importações de calçados crescem 52,9% até maio

As importações de calçados cresceram 52,9% nos cinco primeiros meses do ano em relação ao mesmo período do ano passado, para US$ 122,2 milhões. Foram desembarcados no período 17,1 milhões de pares, o que representou um incremento de 49,3% nas compras de calçados em relação a 2007, informou hoje a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados).O resultado das importações contrasta com um crescimento de apenas 2% no faturamento das indústrias calçadistas com as exportações. Nos cinco primeiros meses do ano, as vendas do setor ao exterior foram de US$ 784,2 milhões. Em relação ao volume financeiro ocorreu um aumento de apenas 0,8%, para 78,5 milhões de pares. Se for considerado apenas o resultado de maio, o faturamento com as exportações recuou 3,6%.Os calçados importados têm origem basicamente no mercado asiático. Os desembarques chineses responderam por 72,8% das compras, com 15,034 milhões de pares de sapato, a um custo de US$ 89,1 milhões - alta de 65,6%. Em seguida está o Vietnã, com US$ 18,928 milhões, o que significa um incremento de 55,08% sobre o resultado dos cinco primeiros meses do ano passado.Por destinos, os Estados Unidos mantêm a liderança como principal mercado ao calçado brasileiro nos cinco primeiros meses do ano, com US$ 220,2 milhões. No entanto, na comparação com igual período do ano passado as vendas ao norte-americanos caíram 28,7%. Na seqüência aparecem Reino Unido (US$ 96,4 milhões), Argentina (US$ 68,09 milhões) e Itália (US$ 65,9 milhões).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.