Felipe Siqueira/Estadão
Felipe Siqueira/Estadão

Imposto de Renda 2021: Receita aguarda a declaração de 1,4 milhão de contribuintes

Prazo para entrega acaba às 23h59; das declarações entregues, 1,7 milhão já caíram na malha fina

Érika Motoda, O Estado de S.Paulo

31 de maio de 2021 | 19h45

A Receita Federal ainda aguarda a declaração de 1,4 milhão de contribuintes neste último dia para a entrega do Imposto de Renda. O prazo se encerra às 23h59 desta segunda-feira, 31. Apesar do contingente que deixou para o último dia, o secretário Especial da Receita, José Barroso Tostes Neto, acredita que a prorrogação do prazo em um mês foi suficiente para que não ocorressem “atropelos”. Ao todo cerca de 31 milhões de contribuintes se enquadram em alguma obrigatoriedade e devem fazer a declaração. 

Em coletiva de imprensa no início desta noite, o auditor fiscal da Receita José Carlos Fernandes da Fonseca, disse que “historicamente, é comum recebermos 3 milhões de declarações no último dia” e que o sistema está pronto para recebê-las sem apresentar instabilidade. 

A expectativa era receber 32 milhões de declarações até o fim do prazo. A quantidade foi atingida às 15h desta segunda-feira, mas o montante engloba tanto as declarações como suas retificações – 2,9 milhões são retificadoras. Portanto, o Fisco projeta que, até o fim do prazo, sejam 34 milhões de declarações recebidas no total. “Mas o número de declarantes se mantém”, explicou Fonseca.

De todas as declarações entregues, 1,7 milhão já caíram na malha fina. Fonseca espera que a quantidade caia pela metade até o último lote da restituição, previsto para setembro.  Segundo ele, quando os contribuintes entram no portal para consultar a sua restituição e percebem que possuem pendências com o Fisco, elas retificam a declaração para poder receber a restituição. 

Neste ano, 55% das declarações vão receber a restituição, 20% têm imposto a pagar e 25% não têm nada a pagar ou a restituir. 

O que fazer se eu perder o prazo para a declaração do Imposto de Renda? 

O secretário Especial da Receita, José Barroso Tostes Neto, orientou que a declaração deve ser feita normalmente, pelo site ou programa da Receita. A diferença é que o contribuinte estará sujeito a multa por atraso. 

A penalidade por não entregar a declaração no prazo é uma multa diária de 1% sobre o imposto apurado – com valor mínimo de R$ 165,74 e máximo de 20% do total. Além disso, se houver algum imposto a pagar, o contribuinte deverá pagar de 0,33% a 20% ao dia sobre o imposto devido, mais os juros calculados com base na Selic, a taxa básica do País.

Tudo o que sabemos sobre:
impostoIR [Imposto de Renda]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.