Divulgação: Mercedes-Benz Vans
Divulgação: Mercedes-Benz Vans
Conteúdo Patrocinado

Impulsionado pelo empreendedorismo, segmento de furgões cresce em 2020

Líder de vendas no País, Mercedes-Benz acompanhou as vendas de furgões crescerem 7,1% no ano passado. Fabricante deve fortalecer ações comerciais, além de se aproximar do público com conteúdo para orientar e inspirar empreendedores

Mercedes-Benz Vans, Media Lab Estadão
Conteúdo de responsabilidade do anunciante

27 de janeiro de 2021 | 10h30

A vocação empreendedora e a criatividade do brasileiro já são conhecidas mundialmente, mas é nos momentos de crise que essas duas características mais se destacam. No ano passado, apesar da pandemia do novo coronavírus, aproximadamente 25% da população adulta do Brasil se envolveu na abertura de um novo negócio ou com um negócio com até 3,5 anos de atividade. A estimativa é da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), realizada em parceria com o Sebrae.

De acordo com o último levantamento (GEM 2019), estima-se que já existam 53,4 milhões de brasileiros à frente de alguma atividade empreendedora, envolvidos na criação de um novo empreendimento, consolidando um novo negócio ou realizando esforços para manter um empreendimento já estabelecido.

Esse cenário de novos negócios e a reinvenção daqueles já em atividade impulsionou o segmento de vans e furgões, veículos voltados para o trabalho. Um bom exemplo é a Mercedes-Benz, que reforçou sua liderança no segmento de large vans (3,5 a 5 toneladas) pelo quarto ano consecutivo. A fabricante comercializou 9.742 unidades, entre vans, furgões e chassis, alcançando 36% de participação de mercado no ano passado.

“O grande destaque de 2020 foi o segmento de furgão, pois foram 4.266 modelos vendidos no acumulado do ano e 38,9% de participação do mercado, resultando em 7,1% de aumento nas vendas em comparação a 2019”, revela o presidente e CEO da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil, Jefferson Ferrarez.

Entre os motivos apontados para o crescimento nas vendas de furgões está o recorde no faturamento do e-commerce no País, impulsionado pelas medidas de isolamento social. De acordo com dados da Ebit|Nielsen para o e-commerce em 2020, apenas no primeiro semestre, o crescimento do setor foi de 47% no faturamento e de 40% no número de consumidores.

O crescimento do e-commerce e das entregas em domicílio teve impacto, principalmente, nas vendas dos produtos do segmento de carga (furgão e chassis), aponta o CEO da Mercedes-Benz. “Nossa linha de furgões é ideal para o e-commerce e as entregas em domicílio, pois são veículos que já saem de fábrica com a zona de carga pronta para o uso, sem necessidade de implementação”, reforça o executivo.

Com furgões em três opções de tonelagem (3,5, 4,1 e 5) e também em cinco opções de capacidade volumétrica na zona de carga, a Mercedes-Benz oferece ao transportador a possibilidade de escolher o veículo que mais se adéque à demanda de transporte de sua região, otimizando os custos operacionais.

Websérie inspira empreendedores

De olho nesse nicho, a Mercedes-Benz também teve de se adaptar rapidamente ao novo cenário. A empresa realizou diversas ações para atender a demanda dos clientes, como o lançamento do blog Negócios com sua Van com conteúdo para os empreendedores, disponibilizou um novo Configurador no portal oficial da marca e criou o primeiro Showroom Virtual para vendas da Linha Sprinter.

A fabricante também criou campanhas de varejo, com condições especiais de financiamento e bônus, entre outras facilidades atrativas para a aquisição de uma Sprinter Mercedes-Benz. O objetivo é atender as necessidades do pequeno e microempresário na busca de um veículo adequado para este momento de grandes desafios e alta do e-commerce, explica o CEO da Mercedes-Benz.

“A participação do público PME foi bastante representativa durante 2020, ano em que os empreendedores tiveram que se reinventar e buscar alternativas diante do cenário devido à pandemia da covid-19, e algumas dessas histórias de superação serão possíveis de acompanhar nas redes sociais da Mercedes-Benz Vans com o lançamento da websérie DNA Empreendedor, em janeiro”, revela Ferrarez.

A websérie terá seis vídeos que contam histórias de sucesso de pessoas que apostaram no empreendedorismo e tiveram a Sprinter como grande aliada na maioria dos episódios. O primeiro protagonista, Diego Andrade, relatará como foi adaptar o seu negócio de transporte de passageiros durante a pandemia.

O segmento, aliás, é outro alvo da Mercedes neste ano de 2021. “Com a boa notícia da vacina, estamos mais otimistas e confiantes para enfrentar desafios e buscar oportunidades. Além disso, esperamos um reaquecimento do mercado de vans de passageiros, segmento mais impactado pelos efeitos da pandemia em 2020, juntamente com os setores de turismo, transporte escolar e eventos presenciais”, acredita o executivo.

Além da continuidade do trabalho com a nova Sprinter, a marca lançou recentemente uma versão da van de passageiro 19+1. Também estão previstas a renovação dos motores dos veículos e novidades em relação à conectividade.

Conheça mais em https://vans-mercedesbenz.com.br/.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.