Inadimplência no BB fica em 3,3% no 4º trimestre

Em igual período do ano anterior, atrasos no pagamento eram de 2,4%  

Ana Paula Ribeiro, da Agência Estado,

25 de fevereiro de 2010 | 08h50

O Banco do Brasil (BB) registrou no quarto trimestre de 2009 uma inadimplência de 3,3%, ante 2,4% de igual período do ano anterior e 3,6% do terceiro trimestre. Esses números consideram os atrasos superiores a 90 dias e as incorporações da Nossa Caixa e da participação no Banco Votorantim.

 

A instituição federal destaca que o pico de inadimplência no banco foi registrado em agosto e a partir desta data os atrasos apresentam reduções.

 

O BB atribuiu a melhora nos índices de inadimplência à estratégia de concentrar as operações de empréstimos em modalidades de menor risco, como o crédito consignado. Considerando as operações para a pessoa física exclusivamente do BB (sem Nossa Caixa e Votorantim), a taxa de inadimplência no quarto trimestre foi de 4,8%, ante 5,2% do índice de atrasos registrado no terceiro trimestre e dos 5,8% do quarto trimestre de 2008.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.