Inadimplência no País sobe 1,6% em outubro

Segundo dados da empresa Boa Vista, na comparação com outubro do ano passado, a inadimplência subiu 24,8% e cresceu 22% no acumulado de 2011

Wladimir d'Andrade, da Agência Estado,

17 de novembro de 2011 | 17h11

Depois de uma queda de 5,1% verificada em setembro, a inadimplência no País voltou a subir em outubro, alta de 1,6% comparada ao mês anterior, na série com ajuste sazonal, segundo antecipou hoje à Agência Estado a empresa Boa Vista, administradora do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC). Na comparação com outubro do ano passado, a inadimplência subiu 24,8% e cresceu 22% no acumulado de 2011 ante o mesmo período de 2010.

De acordo com a Boa Vista, o aumento da inadimplência em outubro pode indicar uma nova aceleração das concessões diárias de crédito. Para a empresa, dados da Pesquisa Mensal do Comércio de setembro, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostram elevação no volume de vendas do comércio de 0,6% (na série dessazonalizada) e corroborariam essa percepção. "A revisão de parte das medidas de contenção ao crédito adotadas em 2010, anunciada em novembro pelo Banco Central, deve contribuir para a manutenção dos patamares de concessão de crédito, incentivando o consumo e mantendo a inadimplência nos atuais níveis", afirma a Boa Vista.

A recente diminuição da taxa de juros e a manutenção nos níveis de emprego e renda podem, segundo a Boa Vista, proporcionar um ambiente favorável para o consumo e contribuir para "certa estabilidade nas taxas de crescimento dos registros de inadimplentes". "Isto, ao menos em alguma medida, ofusca a situação da economia mundial e a queda do setor industrial nacional", afirma documento divulgado pela Boa Vista.

Tudo o que sabemos sobre:
inadimplênciaBoa Vistaoutubro 2011

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.