carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Índia abre mercado para frango in natura do Brasil

Frango embarcado, porém, não pode ter sido alimentado com subprodutos derivados de ruminantes

ALEXANDRE INACIO, Agencia Estado

01 de agosto de 2008 | 17h41

Depois de uma série de negociações, o Brasil poderá vender carne de frango in natura para o mercado da Índia. O Ministério da Agricultura divulgou hoje o modelo de certificado sanitário internacional a ser adotado e todas as plantas habilitadas a exportar para os países da chamada Lista Geral poderão vender para a Índia. Existem, no entanto, exigências dos importadores. O frango embarcado não pode ter sido alimentado com subprodutos derivados de ruminantes e a carne não pode ter entrado em contato com a carne, produtos ou subprodutos derivados de suínos e ruminantes.A abertura do mercado indiano vinha sendo negociada há tempos, tanto pelo governo quanto pelo setor privado. Uma nova missão brasileira já estava preparada para voltar à Índia em novembro. "Recebemos a notícia com alegria e muita surpresa. O mercado indiano é importante, já que nunca tínhamos vendido para eles", afirma Francisco Turra, presidente da Associação Brasileira dos Exportadores de Frango (Abef).Na Índia, a maior parte da população segue a religião hindu, em que não é permitido o consumo de carne bovina. Além disso, uma parcela considerável da população é muçulmana, onde é proibido o consumo de carne suína. Esses dois fatores tornam o país um potencial mercado importante para a carne de frango brasileira.

Tudo o que sabemos sobre:
exportaçãofrangoÍndia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.