Índice de atividade cai nos Estados Unidos

As preocupações em relação à guerra contra o Iraque interromperam em março quatro meses de crescimento do setor de manufatura dos Estados Unidos, segundo o Instituto para Gestão da Oferta. O índice que avalia o nível de atividade no setor caiu para 46,2 em março, de 50,5 em fevereiro e de 53,9 em janeiro. Variações abaixo de 50 sugerem desaceleração da atividade econômica. O índice ficou abaixo das projeções dos analistas, que previam o índice em 49. A maior parte dos componentes do índice registrou desempenho moderado em março. O índice de novas encomendas caiu para 46,2 em março, de 52,3 em fevereiro, após seis meses de expansão. O índice de produção registrou sua primeira contração em 16 meses, para 46,3 em março, de 55,4 em fevereiro. O índice que avalia o mercado de trabalho recuou a 42,1 em março, de 42,8 em fevereiro e 47,6 em janeiro. O índice de preços pagos subiu a 70 em março, de 65,5 em fevereiro. Gastos com construçãoOs gastos com construção caíram pela primeira vez desde agosto, pressionados por retração no número de construção de escolas e estradas. Os gastos recuaram 0,2% em fevereiro, após alta de 1,7% em janeiro. A queda foi menor, no entanto, do que previam os economistas. Segundo pesquisa realizada pela Dow Jones, estimava-se queda de 1,4% em fevereiro. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.