Índice de atividade da indústria paulista sobe 0,4% em agosto

Sem ajuste sazonal, crescimento do índice foi de 2,8%; no acumulado do ano, índice apresentou aumento de 12,3%

Ricardo Leopoldo, O Estado de S.Paulo

30 de setembro de 2010 | 00h00

O Indicador do Nível de Atividade (INA) da indústria paulista subiu 0,4% em agosto ante julho com ajuste sazonal, de acordo com informações divulgadas ontem pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). O INA sem ajuste sazonal teve alta de 2,8% no mês de agosto ante julho.

A atividade do setor manufatureiro de São Paulo avançou 7,9% em agosto ante o mesmo mês de 2009. No acumulado de janeiro a agosto, o INA aumentou 12,3% ante mesmo período do ano passado. Em 12 meses até agosto, o INA apontou alta de 8,3%. O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) ficou em 82,4% em agosto depois de ter atingido 82% em julho, com ajuste sazonal. Sem o ajuste, subiu de 83,2 em julho para 83,8% em agosto.

Já o Sensor, índice da Fiesp que avalia a confiança dos industriais paulistas, caiu de 53,5 pontos em agosto para 52,8 pontos em setembro. Dos cinco itens que formam o Sensor, dois subiram. O índice que apura a perspectiva de crescimento dos investimentos avançou de 56,5 pontos em agosto para 60 em setembro e o indicador que avalia o mercado subiu de 55,8 para 55,9 pontos no mesmo período.

As vendas apresentaram queda de 54,1 pontos em agosto para 50,9 pontos em setembro. O item Estoque variou de 43,9 pontos em agosto para 43,4 pontos em setembro. O item Emprego caiu de 57 pontos em agosto para 53,9 pontos em setembro.

Segundo o diretor do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos da Fiesp, Paulo Francini, o INA deve apresentar expansão média de 0,7% entre setembro e dezembro, o que torna possível um aumento de 10% do índice em 2010, ante 2009. O dirigente não acredita que o avanço anual possa ser um pouco maior. Para atingir 11% em 2010, seria necessário subir 1,7% por mês até o fim do ano. "Não me parece provável", comentou.

}

Expansão

7,9%

foi o crescimento da atividade no setor manufatureiro paulista em agosto, ante agosto de 2009

0,7%

é a previsão de expansão média mensal do INA de setembro a dezembro, o que torna possível um aumento de 10% em 2010

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.