Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Índice de cheques devolvidos cresce em 2005

Levantamento da Telecheque revelou que o índice de cheques devolvidos no Brasil em 2005 foi de 2,81%, um aumento de 19,9% na comparação com o indicador de 2004 (2,34%). No mês de dezembro, o índice de cheques devolvidos foi de 2,16%, uma queda de 23,1% do indicador de inadimplência em relação a novembro de 2005 (2,81%), mas um aumento de 28,7% na comparação com o mesmo período de 2004 (1,68%).Segundo análise do vice-presidente da Telecheque, José Antônio Praxades Neto, "o aumento dos juros, os pagamentos com prazos maiores, na maioria das vezes sem entrada, e a oferta maciça de crédito foram alguns dos principais fatores que levaram ao aumento da inadimplência no ano de 2005."O estado que registrou o maior volume financeiro de cheques honrados foi Santa Catarina, com índice de transações pagas de 97,93%, resultado 0,3% inferior frente ao ano anterior (98,23%). Do outro lado, o Rio Grande do Norte foi o Estado campeão em volume de cheques devolvidos, com índice de inadimplência de 4,39%, alta de 27% em relação ao indicador de 2004 (3,46%). O Estado de São Paulo apresentou índice de inadimplência de 3,11%, 16,3% superior ao índice de 2004 (2,67%).De acordo com a Telecheque, os cheques transacionados no varejo em 2005 tiveram valor médio de R$ 127,20, resultado 13,5% superior em relação ao verificado em 2004, de R$ 112,10.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.