finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Índice de cheques honrados em todo País atinge 96,68%

O volume de cheques honrados no varejo nacional cresceu 0,11% de janeiro a outubro deste ano, segundo pesquisa realizada pela Telecheque. O levantamento revelou que 96,68% das movimentações financeiras realizadas com cheques no período foram compensadas, ante taxa de 96,57% entre janeiro a outubro de 2006.De acordo com o vice-presidente da entidade, José Antônio Praxedes, o consumidor é cauteloso no uso desta modalidade de pagamento para honrar as compras no Natal. "Apesar da grande oferta de crédito, o consumidor está preservando seu crédito e sendo mais cauteloso com o objetivo principal de manter o nome e a renda em dia para as compras de Natal", destacou.Por Estados, Minas Gerais registrou a maior elevação (1%) de cheques honrados entre os 19 Estados pesquisados, passando o índice de bons pagadores de 96,02% (de janeiro a outubro de 2006), para 96,98%, nos primeiros dez meses deste ano.Apesar desse crescimento, o melhor índice de bons pagadores foi verificado em Mato Grosso, com 98,38% de cheques honrados. Em seguida aparecem Goiás (97,8%), Rio Grande do Sul (97,47%), Alagoas e Santa Catarina, ambas com o índice de 97,31%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.