Índice de preços surpreende

O Índice de Preços ao Consumidor da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (IPC-Fipe) de outubro ficou em 0,01%, indicando baixa da inflação em relação à terceira quadrissemana (0,19%) e também ao mês de setembro (0,27%). A retração de 0,57% do item "alimentação", assim como a menor variação do "vestuário" (0,28%), contribuíram para o recuo do índice. Logo, o desempenho dos IPC´s continuam surpreendendo positivamente o mercado, confirmando a trajetória de queda em relação aos meses anteriores. Segundo analistas do Lloyds TSB, esse movimento, somado à cotação ainda elevada do petróleo e à desvalorização do Real, aumenta a probabilidade de um reajuste do preço dos combustíveis ainda neste ano, mais provavelmente em meados deste mês.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.