Índice do setor de serviços da França cai para 49,2

A atividade da economia francesa caiu para o seu mais baixo nível em cinco anos em junho, com os setores de serviços e manufatura entrando em recessão.A estimativa preliminar do Índice de Atividade para o Setor de Serviços caiu de 50,5, em maio, para 49,2, em junho. Esta é a mais baixa leitura desde novembro de 2001 e ficou abaixo das estimativas dos economistas, que previram uma leitura de 50,8. O Índice de Atividade para o Setor de Manufatura também foi menor do que o esperado, caindo de 51,5, em maio, para 49,2 em junho. O resultado foi o mais baixo desde maio de 2005 e inferior às expectativas dos economistas, que previram uma leitura de 51,1. O índice composto dos dois setores caiu para o seu mais baixo nível desde junho de 2003, registrando 49,1 em junho, ante 51,3 em maio.A leitura acima de 50,0 indica que o setor está expandindo, enquanto que valor menor indica contração. As informações são da Dow Jones

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.