Índice europeu sobe no fim da sessão por setor financeiro

O mercado de ações europeu fechou em alta nesta segunda-feira com suporte dos ganhos dos papéis de financeiras e mineradoras, enquanto as produtoras de alimentos caíram. No entanto, a incerteza em relação ao apoio da zona do euro à Grécia impedia uma alta maior das ações.

REUTERS

15 de fevereiro de 2010 | 15h23

O índice FTSEurofirst 300 fechou a sessão em alta de 0,4 por cento, aos 991,40 pontos, após cair 0,3 por cento na sexta-feira.

Os papéis de bancos estavam entre os que mais avançaram na sessão, com HSBC, Société Générale, UBS e Deutsche Bank subindo entre 0,2 e 2,6 por cento. O Barclays saltou 5 por cento, na véspera da divulgação de seus resultados trimestrais na terça-feira.

Faltou direção no mercado europeu nesta segunda-feira, uma vez que as bolsas norte-americanas estavam fechadas devido ao feriado do Dia do Presidente. Muitos mercados asiáticos também fecharam pelo feriado de Ano Novo Lunar. O mercado na Grécia não operou nesta segunda-feira.

"O que vemos hoje é um pouco de alívio no que tem sido uma leva razoavelmente constante de realização de lucros que produziu condições de vendas em excesso", disse o estrategista-chefe da Brewen Dolphin, Mike Lenhoff.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 0,49 por cento, a 5.167 pontos

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,19 por cento, para 5.511 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 avançou 0,28 por cento, para 3.609 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib encerrou em alta de 0,41 por cento, a 21.122 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou valorização de 0,67 por cento, para 10.293 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 teve variação positiva de 0,05 por cento, para 7.507 pontos.

(Reportagem de Harpreet Bhal)

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSA, EUROPA, FECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.