finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Índice japonês Nikkei tem melhor novembro desde 2005

As ações japonesas tiveram leve queda nesta sexta-feira após terem atingido o maior nível de fechamento em quase seis anos na sessão anterior, mas ainda se beneficiaram do enfraquecimento do iene para registrar o melhor desempenho para novembro desde 2005.

DOMINIC LAU, Reuters

29 de novembro de 2013 | 07h43

Às 7h36 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,33 por cento, após ter alcançado o maior fechamento em uma semana no pregão anterior.

O índice japonês Nikkei caiu 0,41 por cento, embora esteja em alta de 9,3 por cento neste mês com a queda do iene frente ao euro e ao dólar.

Dados do Japão mostraram que a inflação ao consumidor do país acelerou para máxima em cinco anos e a produção industrial cresceu pelo segundo mês seguido em outubro, mais evidências de que a recuperação na terceira maior economia do mundo deve se estender para 2014.

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.